25 de dez de 2012

Feche os olhos e verá a Música


Nenhum quadro clínico impede de ouvir e sentir a música.

Ser diferente dos outros é ser especial, você não precisa ser igual a ninguém para fazer música.


“A música é uma coisa visível. Feche os olhos e você verá”

“Como você sabe que a música existe,
 porque você sente as vibraçoes, 
se emociona e ouve.”


Dalcroze (1967), já vinha transformando a maneira da educação musical como algo que possibilite a criança apreciar a música, se emocionar com ela, de forma que possa experiênciar as vibrações sobre o corpo, antes de conhecer a teoria musical, dando-lhe ampliação ao movimento corporal através das ondas sonoras de baixa frequência, que penetram na pele. Assim podemos transmitir os sentimentos internos para o externo!

Para Weigel (1988), as atividades musicais podem oferecer inúmeras oportunidades, não apenas para o desenvolvimento motor, mas também para a promoção do equilíbrio do sistema nervoso, pois o equilíbrio interno age sobre a mente, favorecendo a descarga emocional e a reação motora.

A importância da Musicoterapia na sociedade, pois ela através da música e/ou dos seus elementos (som, ritmo, melodia e harmonia) bem como de suas freqüências vibratórias, combinadas ou não com músicas, para promover a restauração da saúde dos indivíduos, em um processo que envolva respostas perceptivas, cognitivas e intelectuais, pois se tem observado que, embora a música alcance uma resposta intelectual quando ouvida, ela pode causar uma resposta física frequentemente mensurável quando as ondas sonoras são percebidas pelo corpo humano.

Proporcionando vitórias e brilhos à vida pelo impacto emocional de um determinado trecho musical.







9 de dez de 2012

O Cérebro não se desgasta



O cérebro é o único órgão do corpo que não se desgasta com o uso, temos que exercita-lo para que funcione ao longo dos anos.


A criatividade pode ser ampliada se o cérebro funciona como um músculo, modificando estruturas cerebrais para melhor desenvolver o potencial do ser humano. 

Retirado do Jornal On Line “El Mundo.es” mais informações no site.






5 de dez de 2012

Musicoterapia na III Virada Inclusiva 2012


XII Fórum Paulista de Musicoterapia, 
aconteceu neste ano no Parque do Ibirapuera
 integrando-se a programação da
II Virada Inclusiva em comemoração ao 
"Dia Internacional da Pessoa com Deficiência" 03/12

Inspirado na Virada Cultural e na Virada Esportiva, o evento vai oferecer mais de 800 atividades de cultura, esporte e lazer em mais de 80 cidades do Estado de São Paulo, reunindo sempre pessoas com e sem deficiência.
Os locais e as atrações terão acessibilidade física e de comunicação, para que TODOS possam participar ou acompanhar as atividades em igualdade de condições.
A Virada Inclusiva é organizada em conjunto por órgãos públicos e instituições da sociedade civil, sob a coordenação da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e contando com a participação voluntária de pessoas e grupos do mundo artístico e esportivo.



clique na imagem e veja outras fotos do evento

21 de nov de 2012

Sonhos



Como funciona os sonhos no ser humano.

Assistam o vídeo abaixo









4 de nov de 2012

O que é Normal, o que é Correto, o que é Errado?




Diante de tantas diferenças de gostos e formações culturais geradas pela transculturação interna dentro da nossa sociedade brasileira até mesmo mundial, o que é normal ou correto ao bom senso para produzir músicas.

Há melodias, sons, ruídos, harmonias e dissonâncias que para cada individuo tem uma importância e que demonstra quem ele é. A música sempre vai se transformar da mente criativa e individual do que é real a si, essencial ao que o próprio indivíduo está vivenciando, mostrando através da sonoridade a capacidade de viver.


A definição de música para Nietzsche que a música é
uma descarga de emoções”,
 já Kant, é a “linguagem das emoções”.


Vamos escrever a nossa história através dos sons que estão dentro de nós! Como diz Gupta à música é remédio que nos transforma e saúde mental “Música é remédio, música é sanidade”.



28 de out de 2012

Anais de Musicoterapia 2012



Anais
XIV Simpósio Brasileiro de Musicoterapia e
XII Encontro Nacional de Pesquisa em Musicoterapia



  
Há vários trabalhos publicados,vejamos alguns temas:


A CANÇÃO DE NINAR EM MUSICOTERAPIA COMO FACILITADORA DA CONSTRUÇÃO E FORTALECIMENTO DO VÍNCULO MÃE-BEBÊ

A CANÇÃO NO PROCESSO DE RESGATE DE IDENTIDADE DURANTE EPISÓDIO MANÍACO COM SINTOMAS PSICÓTICOS

A COMPOSIÇÃO MUSICAL E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS NO CONTEXTO MUSICOTERAPÊUTICO

A MUSICOTERAPIA COMO COADJUVANTE NO TRATAMENTO DE DEPRESSÃO: RESSIGNIFICANDO A VIDA

A VISUALIDADE NO SETTING MUSICOTERAPÊUTICO: QUESTÕES E POSSIBILIDADES DAS PRIMEIRAS IMPRESSÕES SONORAS

SÍNDROME DE BURNOUT EM MUSICOTERAPEUTAS BRASILEIROS

APROXIMAÇÕES ENTRE MUSICOTERAPIA E PSICODRAMA

AVALIAÇÃO INICIAL EM MUSICOTERAPIA: DIRETRIZES DA ABORDAGEM PLURIMODAL APLICADAS À REALIDADE DE UM CENTRO DE REABILITAÇÃO

CENTRO DE ATENDIMENTO E ESTUDOS EM MUSICOTERAPIA: ESPAÇO DE ATUAÇÃO E PESQUISA DE ALUNOS E PROFESSORES NA UNIVERSIDADE

CONTRIBUIÇÕES DAS PEDAGOGIAS MUSICAIS PARA PRÁTICA MUSICOTERAPÊUTICA

CORO TERAPÊUTICO: A MÚSICA ATUANDO NO CAMPO COGNITIVO SOCIAL DA MATURIDADE

EVIDÊNCIAS SOBRE EPILEPSIA MUSICOGÊNICA PARA USO EM MUSICOTERAPIA: REVISÃO SISTEMÁTICA

MUSICOTERAPIA EM UM PROGRAMA DE NEUROLOGIA/NEUROCIÊNCIAS: DESAFIOS E RESULTADOS

MUSICOTERAPIA VIBROACÚSTICA NA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE SÍNDROME DE RETT (ABRE-TE/SP)

MUSICOTERAPIA INTERATIVA (MTI) COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES DURANTE SESSÕES DE HEMODIÁLISE (HD)

A MUSICOTERAPIA NO PRONTO SOCORRO INFANTIL – OFICINAS MUSICOTERAPÊUTICAS ATUANDO NA IDENTIDADE SONORA (ISO) AMBIENTAL MUSICOTERAPIA, FUNÇÃO MATERNA E AMAMENTAÇÃO

O EFEITO DE INTERVENÇÕES DE MÚSICA NA REABILITAÇÃO DE ABUSO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS: DOIS ESTUDOS DE CASO

AFIRMANDO A VIDA, ATÉ O FIM, ATRAVÉS DA MÚSICA: MUSICOTERAPIA EM CUIDADOS PALIATIVOS

UM ESTUDO BIBLIOGRÁFICO SOBRE A ESTIMULAÇÃO MUSICOTERÁPICA NO DESENVOLVIMENTO GLOBAL DA CRIANÇA COM SÍNDROME DE DOWN


EXPERIÊNCIAS MUSICAIS FACILITANDO O PROCESSO EDUCATIVO DIALÓGICO COM GRUPO DE SUJEITOS COM DIABETES MELLITUS TIPO

 “COMIGO NÃO, VIOLÃO!”: MUSICOTERAPIA COM MULHERES EM SITUAÇÃO DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

MUSICOTERAPIA NO ATENDIMENTO HOSPITALAR A MÃE E BEBÊ DE RISCO

Os EFEITOS DA MÚSICA E DA MUSICOTERAPIA NA PRESSÃO ARTERIAL – UMA PESQUISA BIBLIOGRÁFICA EM ANDAMENTO

UTILIZAÇÃO DE SOFTWARES DE ANÁLISE MUSICAL COMO APOIO À PESQUISA EM MUSICOTERAPIA

IMPLEMENTAÇÃO DA MUSICOTERAPIA NO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL: MOVIMENTOS E ORGANIZAÇÃO POLÍTICA

Música e Medicina



O violinista Robert Gupta, ministra uma palestra com o título "Música e Medicina"


Ele fala sobre os efeitos a música no Sistema Nervoso Central e comenta sobre o músico Nathaniel Ayers, do filme “O Solista”.

Gupta diz que a música é remédio e que nos transforma – para Nathaniel um esquizofrênico paranoico, a música é saúde mental “Música é remédio, música é sanidade”, pois através dela (a música),  permite a ele pegar seus pensamentos e delírios, e dar lhes uma forma através da sua imaginação e criatividade, com a música a realidade . Essa fuga do seu estado atormentado transforma na essência da arte.

"Esta foi a razão pela qual nós fizemos a música: pegamos algo que existe dentro de todos nós em nosso núcleo fundamental, as nossas emoções, e através da nossa lente artística, através da nossa criatividade, somos capazes de moldar as emoções em realidade."

"Para aquele que vivem na maioria das condições degradantes...a música oferece uma oportunidade para que eles transcendem o mundo ao seu redor, para lembrar que eles ainda têm a capacidade de experimentar algo bonito."



Assistam a palestra pelo vídeo na integra:



 
TED (é uma conferencia independente que possibilita que novas experiências possam ser transmitidas por todo o mundo).   



Biografia de Grupta:
Fez parte de vários projetos de investigação em neuro-biologia e neurodegenerativa. Ele ocupou cargos de assistente de pesquisa no CUNY Hunter College em Nova York, onde trabalhou na regeneração neuronal da medula espinhal, e no Instituto de Medicina de Harvard Centro de Doenças Neurológicas, onde estudou a patologia bioquímica da doença de Parkinson.
Gupta é apaixonado por educação e divulgação, tanto como músico e como ativista para as questões de saúde mental. Ele tem o privilégio de trabalhar com Nathaniel Ayers, o músico, brilhante esquizofrênico destaque em "O Solista", como seu professor de violino.

20 de out de 2012

Anatomia do Cérebro



Anatomia do Cérebro Humano

assistam os dois vídeos 






15 de out de 2012

Logotipo Brasileiro de Musicoterapia



Foi aprovado neste domingo dia 14/10/2012 no Simpósio Brasileiro de Musicoterapia em Olinda, a votação do logotipo Nacional da Musicoterapia.



22 de set de 2012

Logo Nacional da Musicoterapia


Caros Musicoterapeutas

Todos os associados participem desta votação para o logotipo Nacional da Musicoterapia

Cliquem na imagem e votem até o dia 14/10/2012! 

  








19 de set de 2012

Musicoterapia no “NOITE COM OS ADORADORES DE DEUS”




Estive participando do programa “Noite com os adoradores de Deus” da RIT TV Rede Internacional de Televisão, com a apresentadora e cantora Dany Grace, produzido pela gravadora Graça Music, exibida no dia 09 de setembro de 2012, conversando sobre a importância da Musicoterapia.

Um programa cheio de assuntos relacionado à música e da Musicoterapia como tratamento como também o trabalho multidisciplinar junto com Fonoaudiologia, Fisioterapia, Psiquiatria e etc. Com participação de grandes cantores Samira Sallum, Jeanne Mascarenhas, LincolnBaedae Sarah Renata.


Fotos dos bastidores do programa ao clicar na imagem vocês verão mais


Foto de Carla Dias




5 de set de 2012

NÃO A MEDICALIZAÇÃO DA VIDA



No programa Conexão Futura do dia 31 de agosto de 2012

Discutem sobre prescrição de remédios a crianças e adolescentes principalmente por comportamento na escola.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 5% das crianças e adolescentes no Mundo sofrem de Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH).
No Brasil, durante audiência pública na Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos deputados, a campanha "Não a Medicalização da Vida".   

Com as presenças: 

Dr. Antônio Geraldo da Silva, Psiquiatra e Presidente da Associação Brasileira de Psiquiatria.
Professora e Psicóloga Angela Alfano  


Quem quiser ler mais a respeito da campanha clique no link a baixo:











27 de ago de 2012

Musicoterapia no "DE BEM COM A VIDA"


Estive participando do programa “DE BEM COM A VIDA” da Rede Gospel, com a apresentadora Bispa Fernanda, exibido ao vivo no dia 23 de agosto de 2012.

Falando sobre a importância da Musicoterapia na saúde e a utilização cientifica da música e seus elementos sonoros (som, ritmo, melodia e harmonia), como também ruídos e silêncio. Nas atuações clínicas e no ambiente de trabalho proporcionando a melhora e desempenho dos funcionários, melhorando na qualidade de vida, na prevenção de saúde física e mental, e na flexibilidade de relacionamento.

Assistam o vídeo do YouTube:





Fotos dos bastidores do programa, ao clicar na imagem vocês verão mais:





Musicoterapia no "NOSSO PROGRAMA"

Estive participando do programa “Nosso Programa” da RIT TV Rede Internacional de Televisão, com a apresentadora Jaqueline Stefano, exibido ao vivo no dia 13 de junho de 2012, conversando sobre a importância da Musicoterapia na saúde.

Comentamos também sobre o caso do filho do cantor Leonardo, Pedro Leonardo que faz dupla com o primo Thiago, sofreu um acidente grave e que durante a sua internação, Thiago conversava e cantava para o primo, mostrando que a memória musical de Pedro estava preservada apesar do ocorrido.

A música que tem o poder de atuar em todas as áreas cerebrais ao mesmo tempo, pois é a única que tem esse efeito, proporcionou a reabilitação neuronal. Promovendo o restabelecimento das outras memórias (de trabalho, recente, etc).

É importante ressaltar que não dá pra fazer Musicoterapia sozinho em casa. Isso só é alcançado com o trabalho de um profissional. Só um Musicoterapeuta habilitado e  graduado, pode conduzir uma sessão de Musicoterapia, senão será apenas uma recreação com música. A formação é voltada para que tenhamos todas as ferramentas teóricas e práticas para desenvolver este trabalho terapêutico e não cantar por cantar, como uma expressão lúdica, mas sim um material de cunho terapêutico.

Fotos dos bastidores do programa, ao clicar na imagem vocês verão mais:




13 de jul de 2012

Musicoterapia na CBN


Reportagem na Rádio CBN São Paulo, sobre Musicoterapia na Terceira Idade no dia 23/06/2012, feita pela jornalista Daniella Laso

Com as Musicoterapeutas:
Sabrina Macedo
Dra.Cléo M. França Correia
Ludmila Christina Simões Poyares

Dr. Psiquiatra Elko Perissinotti

Assistam o vídeo e ouçam a nossa reportagem!



Musicoterapia na Assistencia Social

                

A Musicoterapia na área social caracteriza-se por ações centradas no enfrentamento de situações de vulnerabilidade e risco fortalecendo a grupalidade, a comunidade e o desenvolvimento de estratégias de emancipação, estruturação a partir das especificidades e particularidades locais e regionais, do território e das necessidades dos usuários. Assim o fazer musical na ação social é um mecanismo que permite a construção de laços e interações capazes de transcender as palavras e acionar forças de pertencimento e solidariedade.

Sistema Único de Assistência Social – SUAS.




28 de jun de 2012

Música para VIVER


A Musicoterapia utiliza todos os elementos sonoros para transformar a pessoa, proporcionando através da música um significado único.


Assistam este vídeo a baixo, reflitam e escrevam através das notas uma história diferente a cada dia de suas vidas!





17 de mai de 2012

Luta Antimanicomial

O Movimento Antimanicomial, também conhecido como Luta Antimanicomial, se refere a um processo de transformação dos Serviços Psiquiátricos, derivado de uma série de eventos políticos nacionais e internacionais.

O Movimento Antimanicomial tem o dia 18 de maio como data de comemoração no calendário nacional brasileiro. Esta data remete ao Encontro dos Trabalhadores da Saúde Mental, ocorrido em 1987, na cidade de Bauru, no estado de São Paulo.

Na sua origem, esse movimento está ligado à Reforma Sanitária Brasileira da qual resultou a criação do Sistema Unico de Saúde - (SUS); está ligado também à experiência de desinstitucionalização da Psiquiatria desenvolvidas em Gorizia e em Trieste, na Itália, por Franco Basaglia nos anos 60.

Como processo decorrente deste movimento, temos a Reforma Psiquiátrica, definida pela Lei 10216 de 2001 (Lei Paulo Delgado) como diretriz de reformulação do modelo de Atenção à Saúde Mental, transferido o foco do tratamento que se concentrava na instituição hospitalar, para uma Rede de Atenção Psicossocial, estruturada em unidades de serviços comunitários e abertos.


9 de mai de 2012

Musicoterapia na reabilitação de crianças deficientes

Saiu uma reportagem no Portal do Governo de São Paulo sobre um software que permite a utilização da terapia por meio da música para estimular atenção, concentração e memorização de cores e sons para ajudar no aprendizado e na reabilitação de crianças com deficiência física e cognitiva.
A engenheira pesquisadora do Laboratório de Sistemas Integrados da Escola Politécnica da USP, Ana Grasielle Dionísio Corrêa, criou o GenVirtual e o software musical, implementado com tecnologia de Realidade Aumentada, o uso livre em sessões de Musicoterapia, Terapia Ocupacional e Fisioterapia.
O Software é gratis, clique aqui!


5 de mai de 2012

Sinal de Vida!


"O ruído não é só auditivo, é visual, linguístico e multisensorial. O ruído não nos deixa distinguir os sinais que realmente nos interessam e por isso nos incomoda. Afirmo que não são os estímulos em si que nos perturbam, pois os humanos estão ai para receber, analisar, filtrar e guardar informações, o problema é que estamos construindo um mundo no qual o principal hoje é o ruído e não os sinais".  Ivan Izquierdo

Qual é o som, o ruído, os sinais que estamos passando para as pessoas que nos rodeiam?

A música é a junção de todos os sinais e ruídos da vida!...Por isso componha, cante, toque, grite, respire, veja, receba, analise, sinta, chore, alegrasse, troque, compartilhe aos humanos o que realmente você é!

Como diz Voltaire "A beleza agrada aos olhos, mas é a doçura das ações que encantam a alma".